Drogaria Araújo
Bravan 320Mg com 30 Comprimidos
stars oferta em destaque a partir de R$ 35,91
    11 auto

    Lista de Preços de Bravan

    35.9144.54BRL5

    Compare a partir de R$ 35,91 até R$ 44,54 em 2 farmácias online

    Encontre 5 preços, similares, bulas, apresentações e tire dúvidas
    Filtrar resultados
    Bravan 320Mg com 30 Comprimidos preço

    Compare 2 preços de Bravan 320Mg com 30 Comprimidos nas melhores farmácias e pague menos

    Bravan 320Mg com 30 Comprimidos

    R$ 44,54
    R$ 35,91

    • Drogaria Araújo
    19%

    Bravan 320Mg com 30 Comprimidos comercializado por Drogaria Araújo

    Ir na farmácia online
    DrogariaAraujo Bravan 320Mg c/ 30 Comprimidos - a partir de R$ 35,91
    Bravan 320Mg c/ 30 Comprimidos

    R$ 44,54
    R$ 37,19

    • Drogaria Farma Delivery
    17%

    Bravan 320Mg c/ 30 Comprimidos comercializado por Drogaria Farma Delivery

    Envio para todo Brasil. Consulte condições para frete grátis e parcelamento sem juros no site.

    Ir na farmácia online
    FarmaDelivery Bravan 320Mg c/ 30 Comprimidos - a partir de R$ 35,91

    Categoria: Medicamentos > Pressão Alta > Anti-hipertensivo
    Código de Barras: 7896658016691
    Laboratorio: Ache

    Bravan 80Mg com 30 Comprimidos preço

    Compare 1 preço de Bravan 80Mg com 30 Comprimidos na melhor farmácia e pague menos

    Bravan 80Mg com 30 Comprimidos

    R$ 44,54
    R$ 36,01

    • Drogaria Araújo
    19%

    Bravan 80Mg com 30 Comprimidos comercializado por Drogaria Araújo

    Ir na farmácia online
    DrogariaAraujo Bravan 80Mg com 30 Comprimidos - a partir de R$ 36,01

    Categoria: Medicamentos > Pressão Alta > Anti-hipertensivo
    Código de Barras: 7896658016653
    Laboratorio: Ache

    Bravan 160Mg com 30 Comprimidos preço

    Compare 2 preços de Bravan 160Mg com 30 Comprimidos nas melhores farmácias e pague menos

    Bravan 160Mg com 30 Comprimidos

    R$ 44,54
    R$ 36,46

    • Drogaria Araújo
    18%

    Bravan 160Mg com 30 Comprimidos comercializado por Drogaria Araújo

    Ir na farmácia online
    DrogariaAraujo Bravan 160Mg c/ 30 Comprimidos - a partir de R$ 36,46
    Bravan 160Mg c/ 30 Comprimidos

    R$ 44,54

    • Drogaria Farma Delivery

    Bravan 160Mg c/ 30 Comprimidos comercializado por Drogaria Farma Delivery

    Envio para todo Brasil. Consulte condições para frete grátis e parcelamento sem juros no site.

    Ir na farmácia online
    FarmaDelivery Bravan 160Mg c/ 30 Comprimidos - a partir de R$ 36,46

    Categoria: Medicamentos > Pressão Alta > Anti-hipertensivo
    Código de Barras: 7896658016677
    Laboratorio: Ache

    Para que Bravan e indicado?

    Bravan é um medicamento Similar Equivalente, seu princípio ativo é valsartana , é fabricado por Aché , sua indicação de uso é Tratamento Cardiovascular e é necessário apresentar receita no momento da compra.

    Bravan 320Mg com 30 Comprimidos

    Bravan é utilizado para os tratamentos de pressão alta, insuficiência cardíaca e pós-infarto do miocárdio em pacientes recebendo terapêutica usual. Bravan é usado para tratar a pressão arterial elevada. A pressão arterial elevada aumenta a carga de trabalho do coração e artérias. Se isto continuar por muito tempo, pode danificar os vasos sanguíneos do cérebro, coração e rins e pode resultar em um acidente vascular cerebral, insuficiência cardíaca ou insuficiência renal. A pressão arterial elevada aumenta o risco de ataques cardíacos. A redução da pressão arterial para valores normais diminui o risco de desenvolvimento destas doenças. Bravan também é usado para tratar a insuficiência cardíaca. A insuficiência cardíaca está associada à falta de ar e inchaço dos pés e pernas devido ao acúmulo de fluidos. A insuficiência cardíaca ocorre quando o músculo do coração não consegue bombear o sangue com força suficiente para abastecer o corpo. Bravan pode também ser usado para tratar pessoas que sofreram um ataque cardíaco (infarto do miocárdio) para melhorar a sobrevida e reduzir problemas cardíacos

    Medicamentos genéricos com o mesmo princípio ativo de Bravan

    Valsartana - Nova Química

    Valsartana - Nova Química é um medicamento Genérico seu princípio ativo é valsartana

    Valsartana - Sandoz

    Valsartana - Sandoz é um medicamento Genérico seu princípio ativo é valsartana

    Valsartana - Legrand

    Valsartana - Legrand é um medicamento Genérico seu princípio ativo é valsartana

    Valsartana - Germed

    Valsartana - Germed é um medicamento Genérico seu princípio ativo é valsartana

    Medicamentos referência com o mesmo princípio ativo de Bravan

    Diovan

    Diovan é um medicamento Referência seu princípio ativo é valsartana

    a partir de R$ 43,45

    Medicamentos similares com o mesmo princípio ativo de Bravan

    Tamcore

    Tamcore é um medicamento Similar seu princípio ativo é valsartana

    Blossom

    Blossom é um medicamento Similar seu princípio ativo é valsartana

    a partir de R$ 48,99

    Medicamentos similar equivalente com o mesmo princípio ativo de Bravan

    Rovelan

    Rovelan é um medicamento Similar Equivalente seu princípio ativo é valsartana

    Brator

    Brator é um medicamento Similar Equivalente seu princípio ativo é valsartana

    Valsacor

    Valsacor é um medicamento Similar Equivalente seu princípio ativo é valsartana

    Cosartan

    Cosartan é um medicamento Similar Equivalente seu princípio ativo é valsartana

    INDICAÇÕES

    • Tratamento da hipertensão arterial.

    • Tratamento de insuficiência cardíaca (classes II a IV da NYHA) em pacientes recebendo

    tratamento padrão tais como diuréticos, digitálicos e também inibidores da enzima de conversão

    da angiotensina (ECA) ou betabloqueadores, mas não ambos; a presença de todas estas

    terapêuticas padronizadas não é obrigatória.

    BRAVAN melhora a morbidade nesses pacientes, principalmente através da redução da

    hospitalização por insuficiência cardíaca. BRAVAN retarda também a progressão da

    insuficiência cardíaca, melhora a classe funcional da NYHA, a fração de ejeção, os sinais e

    sintomas da insuficiência cardíaca e melhora a qualidade de vida versus o placebo (vide

    “Características farmacológicas”).

    • BRAVAN é indicado para melhorar a sobrevida após infarto do miocárdio em pacientes

    clinicamente estáveis com sinais, sintomas ou evidência radiológica de insuficiência ventricular

    esquerda e/ou com disfunção sistólica ventricular esquerda (vide “Características

    farmacológicas”).

    CONTRAINDICAÇÕES

    Hipersensibilidade conhecida à valsartana ou a qualquer dos excipientes de BRAVAN (vide

    “Composição”).

    Uso concomitante de bloqueadores de receptores de angiotensina – incluindo BRAVAN – ou inibidores

    da enzima conversora de angiotensina (IECAs) com alisquireno em pacientes com diabetes tipo 2 (vide

    “Interações medicamentosas – Duplo bloqueio do sistema renina-angiotensina (SRA) com BRA`s, IECAs

    ou alisquireno”).

    Este medicamento é contraindicado para uso por lactantes.

    Este medicamento é contraindicado durante a gravidez.

    Categoria de risco na gravidez: D.

    Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica. Informe

    imediatamente seu médico em caso de suspeita de gravidez.

    POSOLOGIA E MODO DE USAR

    Método de administração

    BRAVAN pode ser administrado independentemente das refeições e deve ser administrado com água

    por via oral.

    Hipertensão

    A dose inicial recomendada de BRAVAN é de um comprimido revestido de 80 mg ou 160 mg uma

    vez ao dia, independente da raça, idade ou sexo. O efeito anti-hipertensivo manifesta-se efetivamente

    dentro de 2 semanas e o efeito máximo após 4 semanas. Nos pacientes que não apresentarem controle

    adequado da pressão arterial, a dose diária pode ser aumentada para um comprimido revestido de 320

    mg, ou um diurético pode ser associado.

    BRAVAN pode ser administrado concomitantemente com outros agentes anti-hipertensivos.

    Insuficiência cardíaca

    A dose diária recomendada para o início de tratamento é de 40 mg de BRAVAN duas vezes ao dia. A

    titulação para 80 mg e 160 mg duas vezes ao dia deve ser feita para a maior dose conforme tolerado

    pelo paciente. Deve-se considerar a redução da dose dos diuréticos concomitantes. A dose máxima

    diária administrada nos estudos clínicos é de 320 mg em doses fracionadas.

    A avaliação dos pacientes com insuficiência cardíaca deve sempre incluir a avaliação da função renal.

    Pós-infarto do miocárdio

    A terapêutica pode ser iniciada 12 horas após um infarto do miocárdio. Após uma dose inicial de 20

    mg duas vezes ao dia, a terapêutica com valsartana deve ser titulada para 40 mg, 80 mg e 160 mg

    duas vezes ao dia durante as próximas semanas. A dose inicial é 40 mg.

    A dose-alvo máxima é 160 mg duas vezes ao dia. Em geral, é recomendado que os pacientes atinjam

    um nível de dose de 80 mg duas vezes ao dia por duas semanas após o início do tratamento e que o

    atingimento da dose-alvo máxima ocorra em três meses com base na tolerabilidade do paciente à

    valsartana durante a titulação. Se hipotensão sintomática ou disfunção renal ocorrer, deve-se

    considerar a redução da dose.

    A valsartana pode ser usada em pacientes tratados com outras terapêuticas do pós-infarto do

    miocárdio, por exemplo, trombolíticos, ácido acetilsalicílico, betabloqueadores ou estatinas.

    BRAVAN_BU 06_VPS 11

    A avaliação em pacientes com pós-infarto do miocárdio deve sempre incluir uma avaliação da função

    renal.

    Insuficiência hepática

    Pacientes com insuficiência hepática de leve a moderada somente devem tomar doses acima de 80 mg

    duas vezes ao dia se o benefício clínico for superior ao risco associado com a exposição aumentada a

    valsartana.

    OBSERVAÇÃO para todas as indicações: nenhum ajuste de dose é requerido para pacientes com a

    disfunção renal ou para pacientes com insuficiência hepática de origem não biliar e sem colestase.

    No Brasil, BRAVAN não é aprovado para crianças e adolescentes (menores de 18 anos).

    A dose máxima diária de BRAVAN é de 320 mg.

    Este medicamento não deve ser partido ou mastigado.

    REAÇÕES ADVERSAS

    Em estudos clínicos controlados com pacientes adultos com hipertensão, a incidência geral de reações

    adversas foi comparável ao placebo e é consistente com a farmacologia da valsartana. A incidência de

    reações adversas não está

    relacionada com a dose ou duração do tratamento e também pareceu não estar associada ao sexo,

    idade ou etnia.

    Os relatos de reações adversas dos estudos clínicos, da experiência pós-comercialização e dos

    achados laboratoriais estão listados abaixo de acordo com a classificação dos sistemas de orgânicos.

    As reações adversas estão classificadas por frequência, sendo as mais frequentes listadas no início,

    utilizando-se o seguinte critério: muito comum (≥ 1/10); comum (≥ 1/100 a <1/10); incomum (≥

    1/1.000 a <1/100); rara (≥ 1/10.000 a <1/1.000); muito rara (<1/10.000), incluindo relatos isolados.

    Dentro de cada grupo de frequência, as reações adversas estão classificadas em ordem decrescente de

    gravidade.

    Todas as reações adversas relatadas em experiência pós-comercialização e em achados laboratoriais

    possuem a frequência descrita como “desconhecida” uma vez que não é possível aplicar a frequência

    de reações adversas.

    Reações adversas em Hipertensão

    Distúrbios dos sistemas linfático e sanguíneo

    Desconhecido Diminuição de hemoglobina, diminuição de hematócrito, neutropenia,

    trombocitopenia

    Distúrbios do sistema imunológico

    Desconhecido Hipersensibilidade incluindo doença do soro

    Distúrbios nutricionais e metabólicos

    Desconhecido Aumento do potássio sérico

    Distúrbios do labirinto e ouvido

    Incomum Vertigem

    Distúrbios vasculares

    Desconhecido Vasculite

    Distúrbios mediastinais, torácicos e respiratórios

    Incomum Tosse

    Distúrbios gastrointestinais

    Incomum Dor abdominal

    Distúrbios hepatobiliares

    Desconhecido Alteração dos valores de função hepática incluindo aumento da

    bilirrubina sérica

    Distúrbios do tecido subcutâneo e pele

    Desconhecido Angioedema, erupção cutânea e prurido

    Distúrbios do tecido conjuntivo e músculo-esquelético

    Desconhecido Mialgia

    Distúrbios urinários e renais

    Desconhecido Insuficiência e disfunção renal, elevação da creatinina sérica

    BRAVAN_BU 06_VPS 12

    Distúrbios gerais e condições do local de administração

    Incomum Fadiga

    Os seguintes eventos também foram observados durante os estudos clínicos com pacientes hipertensos,

    desconsiderando sua associação causal com o medicamento em estudo: artralgia, astenia, dor nas

    costas, diarreia, tontura, dor de cabeça, insônia, diminuição da libido, náusea, edema, faringite, rinite,

    sinusite, infecção do trato respiratório superior, infecções virais.

    Pós-infarto do miocárdio e/ou Insuficiência cardíaca

    O perfil de segurança observado em estudos clínicos controlados com pacientes com pós-infarto do

    miocárdio e/ou insuficiência cardíaca varia com relação ao perfil de segurança observado em pacientes

    hipertensos. Este fato pode estar relacionado à doenças subjacentes. As reações adversas que ocorreram

    em pacientes com pós-infarto do miocárdio e/ou insuficiência cardíaca estão listadas abaixo.

    Reações adversas em Pós-infarto do miocárdio e/ou Insuficiência cardíaca

    Desconhecido Trombocitopenia

    Incomum Hipercalemia

    Distúrbios do sistema nervoso

    Comum Tontura, tontura postural

    Incomum Síncope, dor de cabeça

    Distúrbios cardíacos

    Incomum Insuficiência cardíaca

    Comum Hipotensão, hipotensão ortostática

    Incomum Náusea diarréia

    Desconhecido Elevação dos valores de função hepática

    Incomum Angioedema

    Desconhecido Dermatite bolhosa, erupção cutânea, prurido

    Comum Disfunção e insuficiência renal

    Incomum Insuficiência renal aguda, elevação da creatinina sérica

    Desconhecido Aumento da uréia nitrogenada sanguínea

    Incomum Astenia, fadiga

    Os seguintes eventos também foram observados durante os estudos clínicos com pacientes com pós-

    infarto do miocárdio e/ou insuficiência cardíaca desconsiderando sua associação causal com o

    medicamento em estudo: artralgia, dor abdominal, dor nas costas, insônia, diminuição da libido,

    neutropenia, edema, faringite, rinite, sinusite, infecção do trato respiratório superior, infecções virais.

    BRAVAN_BU 06_VPS 13

    Em casos de eventos adversos, notifique ao Sistema de Notificações em Vigilância Sanitária –

    NOTIVISA, disponível em www.anvisa.gov.br/hotsite/notivisa/index.htm, ou para a Vigilância

    Sanitária Estadual ou Municipal.

    Farmácias perto de Você

    Você pode comprar Bravan em farmácias na sua região

    Selecione abaixo sua região para obter os telefones das farmácias e drogarias

    Estado:
    Ver lojas próximas a você
    close