Agille
Privymtra 20Mg/Ml Solução Injetável Ampola 12Ml
oferta em destaque a partir de R$ 1.263,81

Privymtra: Preços , Genéricos e Para que serve?

1263.8151644.19BRL6

Compare preços de Privymtra em 2 farmácias online no RemedioBarato

Compare o preço de Privymtra

Privymtra 20Mg/Ml Solução Injetável Ampola 12Ml

encontre preços a partir de R$1263.81 na Agille

Privymtra 240Mg 28 Comprimidos

encontre preços a partir de R$47536.12 na Agille

Privymtra 480Mg 28 Comprimidos

encontre preços a partir de R$51644.19 na Agille

Informações sobre Privymtra:

Privymtra seu princípio ativo é letermovir , é fabricado por Merck Sharp & Dohme e é necessário apresentar receita no momento da compra.

Para que serve Privymtra?

Privymtra 480mg, em forma de 28 comprimidos, é indicado para ajudar a prevenir doenças causadas pelo citomegalovírus (CMV) em adultos que recentemente passaram por um transplante de medula óssea. O CMV é um vírus que muitas pessoas têm em seus corpos sem causar danos à saúde. No entanto, após um transplante de medula óssea, o sistema imunológico fica enfraquecido, tornando o paciente mais suscetível a desenvolver doenças relacionadas ao CMV.

Contraindicações:
- Não utilize o Privymtra se você for alérgico ao letermovir ou a qualquer outro ingrediente do medicamento.
- Evite tomar Privymtra se estiver usando medicamentos como pimozida (usado para a Síndrome de Tourette) ou alcaloides de ergot (usados para enxaqueca).
- Se estiver tomando Privymtra com ciclosporina, evite o uso de pitavastatina ou sinvastatina.

Advertências e Precauções:
Gravidez:
- Caso esteja grávida ou planejando engravidar, informe ao médico antes de utilizar o Privymtra.
- A segurança do Privymtra durante a gravidez não é totalmente conhecida, portanto, o uso em mulheres grávidas só deve ocorrer sob orientação médica ou do cirurgião-dentista.

Lactação:
- Se estiver amamentando ou planejando amamentar, informe ao médico antes de usar o Privymtra.
- Não está claro se o Privymtra pode ser transmitido pelo leite materno para o bebê.

Crianças:
- A segurança e eficácia do Privymtra em pessoas com menos de 18 anos ainda não foram estabelecidas.

Interações com outros medicamentos, suplementos ou fitoterápicos:
- Informe o seu médico sobre todos os medicamentos que está tomando, incluindo prescritos, isentos de prescrição, vitaminas e fitoterápicos. O Privymtra pode afetar o funcionamento de outros medicamentos, e vice-versa.
- Mantenha uma lista dos medicamentos que está utilizando e mostre-a ao médico ou farmacêutico quando começar um novo tratamento.
- Certifique-se de informar o médico caso esteja tomando algum dos seguintes medicamentos: alfentanila, fentanila (para dor intensa), amiodarona (correção de batimentos cardíacos irregulares), midazolam (sedativo), quinidina (para ritmo cardíaco anormal), ciclosporina, tacrolimo, sirolimo (para prevenir rejeição de transplante), voriconazol (para infecção por fungos), estatinas como atorvastatina, pitavastatina, sinvastatina, fluvastatina, lovastatina, pravastatina, rosuvastatina (para colesterol alto), omeprazol, pantoprazol (para úlceras e problemas estomacais), glibenclamida, repaglinida, rosiglitazona (para açúcar elevado no sangue), carbamazepina, fenobarbital, fenitoína (para convulsões), varfarina (anticoagulante), nafcilina (para infecções bacterianas), rifabutina, rifampicina (para infecções micobacterianas), tioridazina (para problemas psiquiátricos), bosentana (para hipertensão pulmonar), erva de São João (Hypericum perforatum) - um fitoterápico, efavirenz, etravirina, nevirapina (para HIV), modafinila (para manutenção do estado de vigília).

Esteja ciente das interações medicamentosas e converse com o médico ou farmacêutico caso surjam dúvidas sobre o uso do Privymtra com outros medicamentos.

Letermovir é um princípio ativo de Privymtra

Letermovir é um medicamento antiviral utilizado para prevenir infecções causadas pelo vírus citomegalovírus (CMV) em pacientes adultos submetidos a um transplante de células-tronco hematopoiéticas.

O CMV pode ser uma infecção grave em pacientes transplantados, que podem apresentar um sistema imunológico enfraquecido. O letermovir age inibindo a replicação do vírus, ajudando a evitar a propagação do CMV e prevenindo complicações relacionadas a essa infecção.

Esse medicamento pode ser administrado por via oral ou intravenosa, dependendo das necessidades do paciente. É importante seguir rigorosamente as instruções de dosagem e duração do tratamento prescritas pelo médico, bem como informar sobre quaisquer outros medicamentos em uso, para evitar interações indesejadas.

Como todo medicamento, o letermovir pode causar efeitos colaterais, que podem variar de leves a graves. Alguns dos efeitos colaterais mais comuns incluem diarreia, náuseas, fadiga e erupções cutâneas. É fundamental relatar qualquer efeito colateral ao médico, para avaliação e ajuste do tratamento, se necessário.

O letermovir é um medicamento que só pode ser adquirido com prescrição médica, devido à sua natureza específica e ao risco de complicações por conta da infecção pelo CMV. É essencial seguir todas as orientações médicas e contar com um acompanhamento adequado durante o tratamento com esse medicamento.

Privymtra é um medicamento em Antibióticos

Os antibióticos são medicamentos utilizados para tratar infecções causadas por bactérias. Eles são uma classe de substâncias químicas que têm a capacidade de inibir o crescimento ou matar bactérias, ajudando o sistema imunológico do corpo a combater a infecção. No entanto, é importante notar que os antibióticos não são eficazes contra infecções virais, como gripes e resfriados, uma vez que essas infecções são causadas por vírus, não por bactérias.

Aqui estão algumas informações importantes sobre antibióticos:

1. Tipos de Antibióticos: Existem muitos tipos diferentes de antibióticos, cada um com seu mecanismo de ação específico e espectro de atividade. Alguns exemplos de classes de antibióticos incluem penicilinas, cefalosporinas, tetraciclinas, macrolídeos, quinolonas e sulfonamidas, entre outros.

2. Prescrição Médica: A maioria dos antibióticos só pode ser obtida mediante prescrição médica. Isso ocorre porque o uso inadequado ou excessivo de antibióticos pode levar ao desenvolvimento de resistência bacteriana, o que torna as infecções mais difíceis de tratar. Portanto, é importante seguir as instruções do médico e completar o curso de antibióticos prescrito, mesmo que os sintomas melhorem antes de terminar o tratamento.

3. Indicações: Os antibióticos são usados para tratar uma variedade de infecções bacterianas, incluindo infecções do trato respiratório, infecções do trato urinário, infecções de pele, infecções dentárias, infecções gastrointestinais e muitas outras. A escolha do antibiótico específico depende do tipo de bactéria envolvida e da gravidade da infecção.

4. Efeitos Colaterais: Antibióticos podem ter efeitos colaterais, que variam de leves a graves. Efeitos colaterais comuns incluem distúrbios gastrointestinais, como náuseas e diarreia. Além disso, algumas pessoas podem ser alérgicas a antibióticos específicos, o que pode causar reações alérgicas graves.

5. Resistência Bacteriana: O uso inadequado e excessivo de antibióticos tem contribuído para o aumento da resistência bacteriana. Isso significa que algumas bactérias se tornam resistentes aos efeitos dos antibióticos, tornando as infecções mais difíceis de tratar. Portanto, é fundamental usar antibióticos apenas quando prescritos por um profissional de saúde e seguir as instruções de uso.

6. Combate às Infecções: Antibióticos são uma ferramenta valiosa para o tratamento de infecções bacterianas, mas devem ser usados com responsabilidade. A prevenção de infecções, práticas de higiene adequadas e a vacinação são importantes para reduzir a necessidade de tratamento com antibióticos.

Em resumo, os antibióticos desempenham um papel fundamental no tratamento de infecções bacterianas, mas é importante usá-los com responsabilidade e apenas sob orientação médica para garantir a eficácia do tratamento e minimizar a resistência bacteriana.

Privymtra é fabricado por Merck Sharp & Dohme

//cdn.remediobarato.com/marca/7ef605fc8dba5425d6965fbd4c8fbe1f.png A história da Merck & Co., Inc., também conhecida como MSD em muitos países fora dos Estados Unidos e do Canadá, é marcada por uma longa trajetória de inovação e contribuições significativas para a área da saúde. Aqui estão alguns dos principais marcos da história da empresa:

- 1891: A Merck & Co., Inc. foi fundada em 1º de janeiro de 1891 por George Merck em Rahway, Nova Jersey, EUA. A empresa foi estabelecida para distribuir produtos químicos finos em Nova York e áreas vizinhas.

- 1899: A primeira edição do Manual Merck (atual Manual MSD) foi publicada. Este manual médico fornece informações essenciais para profissionais de saúde e pacientes, contribuindo para decisões baseadas na ciência.

- 1925: George W. Merck, filho de George Merck, tornou-se presidente da empresa. Ele lideraria a empresa durante a fusão de 1927 e direcionaria seus esforços para a construção da capacidade de pesquisa.

- 1933: O Laboratório de Pesquisas MRL foi fundado em Rahway, Nova Jersey, marcando a incursão da empresa na pesquisa farmacológica.

- 1936: A empresa foi a primeira a sintetizar a vitamina B1, contribuindo para a redução da deficiência dessa vitamina.

- Anos 1940: A estreptomicina, o primeiro tratamento eficaz para a tuberculose, foi descoberta em 1943.

- 1948: A empresa entrou no mercado de saúde animal com a sulfaquinoxalina, usada para prevenir a coccidiose em aves.

- 1950: A cortisona, utilizada no tratamento de artrite reumatoide e outras doenças, foi desenvolvida.

- 1950: George W. Merck enfatizou a importância de que "os medicamentos são para as pessoas" e que a medicina deve ser centrada no paciente, não apenas nos lucros.

- 1953: A fusão com a Sharp & Dohme deu origem à Merck Sharp & Dohme (MSD), que se tornou uma empresa farmacêutica líder.

- 1957: A MSD fundou sua primeira unidade no Brasil.

- 1957: A Fundação MSD foi criada como uma instituição sem fins lucrativos dedicada à doação para a caridade.

- 1958: A clorotiazida, usada no tratamento da hipertensão, foi lançada.

- Anos 1970: Pesquisas da MSD levaram ao desenvolvimento de um tratamento para a triquinose em animais.

- 1971: A MSD desenvolveu a vacina tríplice MMR (caxumba, sarampo e rubéola).

- 1977: A primeira vacina contra doenças pneumocócicas foi aprovada.

- 1978: A cefoxitina foi aprovada como um importante tratamento para infecções bacterianas.

- 1985: O maleato de enalapril, usado no tratamento da hipertensão e insuficiência cardíaca congestiva, foi aprovado.

- 1986: A vacina recombinante contra hepatite B foi aprovada.

- 1987: A MSD lançou a lovastatina, o primeiro medicamento bilionário da empresa.

- 1987: A empresa se comprometeu a doar Mectizan para eliminar a cegueira do rio.

- 1996: Aprovado o sulfato de indinavir, revolucionando o tratamento do HIV.

- 1998: A MSD lançou uma nova classe de medicamentos para asma com o montelucaste de sódio.

- 2006: A sitagliptina, um inibidor de DPP-4 para tratar diabetes tipo 2, foi aprovada.

- 2006: Aprovada a vacina contra HPV, que previne cânceres causados pelo vírus.

- 2009: A MSD fundiu-se com a Schering-Plough, tornando-se a segunda maior farmacêutica dos EUA em receita.

- 2011: A iniciativa global MSD para mães foi lançada para melhorar a saúde das mulheres antes, durante e após a gravidez.

- 2014: Aprovado o pembrolizumabe, a primeira imunoterapia anti-PD-1 contra o câncer.

- 2014: Aprovado o Bravecto para a divisão de saúde animal da MSD, para o tratamento de pulgas e carrapatos em cães.

- 2019: A vacina contra o ebola foi aprovada pela FDA para prevenir doenças causadas pelo vírus ebola.

- 2021: Aprovado o molnupiravir, o primeiro antiviral oral para tratamento de Covid-19 em casos leves a moderados.

A Merck & Co., Inc. (ou MSD) tem uma longa história de contribuições para a saúde global e continua a desempenhar um papel importante na pesquisa e desenvolvimento de medicamentos e vacinas inovadoras.

Farmácias perto de Você

Você pode comprar Privymtra em farmácias no seu bairro.
Use nossa lista de localidades abaixo para encontrar uma drogaria perto da sua localização:

Dicas antes de comprar Privymtra

Medicamentos Genéricos

Sempre que possível pague menos e opte por medicamentos genéricos são equivalentes terapêuticos aos medicamentos de marca e passam por rigorosos testes de qualidade e eficácia.

Programas de Descontos

Algumas farmácias como Drogaraia, Drogarias Pacheco, Drogasil e outras oferecem programas de fidelidade ou descontos para clientes regulares. Você pode economizar dinheiro se participar desses programas.

Consulte os Preços

Usar um comparador de preços de medicamentos é importante pois os valores podem variar de uma farmácia para outra por isso compare os preços em diferentes farmácias locais e online para encontrar a melhor oferta.

Farmácias Populares

Algumas doenças têm opções de tratamento mais acessíveis. Consulte o seu médico para discutir alternativas de medicamentos que sejam igualmente eficazes, mas mais baratas.

Frete Grátis

Em alguns casos, comprar medicamentos em grande quantidade pode ser mais econômico pois economiza também no valor do frete podendo ser gratuito.

Datas de validade

Comprar medicamentos em grandes quantidades pode economizar dinheiro, mas certifique-se de que você os utilizará antes de expirarem.